quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

NADIA Ayad!


NADIA Ayad se formou em Engenharia de Materias pelo Instituto Militar de Engenharia do Rio de Janeiro, em 2016. No fim do ano, ela venceu o concurso mundial promovido pela Sandvik, em que propôs a utilização de grafeno - um material a base de carbono, 200 vezes mais resistente que o aço e considerado o melhor condutor térmico e elétrico do mundo - em um dispositivo de filtragem e sistema de dessalinização para fornecer água potável para residências.

O Desafio do Grafeno reuniu dez pesquisadores de todo o mundo na sua etapa final. Todas as ideias apresentadas mostravam inovações sustentáveis ?e? que iriam revolucionar as casas modernas, utilizando grafeno. As dez melhores propostas foram avaliadas por especialistas da área com base nos critérios: inovação, viabilidade e design.

A aproximação de Nadia com o campo da pesquisa veio ainda na faculdade, quando ela conseguiu uma bolsa do Ciência Sem Fronteiras para estudar na Inglaterra. Na Universidade de Manchester, onde passou um ano, a brasileira teve contato com grandes nomes da área e com os campos de pesquisa pelos quais se interessava.

Logo após a conquista, Nadia visitou a sede da Sandvik Coromant, em Sandviken, na Suécia. Ela se reuniu com profissionais da indústria e visitou o Centro do Grafeno na Universidade Chalmers. (Tudo e Todas, acesso em 02jan2018) 

2 comentários:

  1. Olá Valentim!
    Sou Paulo Telles, do Blog FILMES ANTIGOS CLUB - A NOSTALGIA DO CINEMA.
    Somente hoje vi seus comentários no meu espaço, pois não havia recebido nenhuma notificação do Google por email. Quero agradecer por seguir e compartilhar meu blog.
    No mais, desejo um ano de 2018 com saúde e sucesso. Abraços.
    PS- Vou incluir seu espaço no meu blogrol.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, amigo. Sempre acompanho o seu blogue. Está inclusive, como você pode ver, na minha relação de blogues prediletos.

      Obrigado, por incluir este humilde blogue na sua relação.

      Quanto ao ator P. Sellers e o filme, já vi e revi tantas vezes. Muito bom, é claro que você percebe nesse e nos outros dois filmes que mencionei uma crítica à alta sociedade.

      Se o amigo puder resgatar em seu blogue esses dois outros filmes de P. Sellers, seria muito bom.

      Obrigado e tenha um ótimo ano novo.

      Excluir

MANDA ver um comentário aí!