quinta-feira, 5 de abril de 2012

DEPOIS do desastre contra o Emelec, Joel Santana faz de tudo para não ser demitido do Flamengo. Se compara a Alex Ferguson e escolhe os culpados pelo fracasso na Libertadores: Luxemburgo e jovens jogadores que a diretoria lhe deu…


ae55 Depois do desastre contra o Emelec, Joel Santana faz de tudo para não ser demitido do Flamengo. Se compara a Alex Ferguson e escolhe os culpados pelo fracasso na Libertadores: Luxemburgo e jovens jogadores que a diretoria lhe deu...
A culpa é dos outros!
 
O FLAMENGO foi um desastre no Equador.
De nada adiantou o velho truque.
Antes de um jogo importante, a diretoria, sempre em dívida, acerta os salários.
O problema é que Joel Santana não arrumou o time.
Muito pelo contrário.
Sua covardia tática pode ter tirado o clube da Libertadores.
No importantíssimo jogo de ontem, o retranqueiro Joel fez do Flamengo uma peneira.
O fraco time equatoriano se aproveitou da frouxa marcação.
Mesmo com a equipe brasileira encolhida na sua área.
O Emelec conseguiu virar no último minuto.
Com toda justiça...
Venceu por 3 a 2 e praticamente desclassificou o clube carioca da Libertadores.
Mesmo os jogadores saíram de campo falando que dependem de um milagre.
A equipe precisa vencer o Lanús e torcer por um empate entre Olimpia e Emelec no Paraguai.
Para tentar sobreviver, Joel Santana fez de tudo hoje de madrugada nos vestiários.
Primeiro se comparou a Alex Ferguson.
Lembrou que o Manchester United caiu na Champions League e nem por isso ele foi demitido.
Será que Joel quer ficar 26 anos no Flamengo?
O treinador lembrou que esta é a sua quinta passagem pela Gávea e quer fazer um trabalho marcante.
Como?
Sendo eliminado na primeira fase da Libertadores?
Não dando ao time o mínimo padrão tático.
Jogando todos dentro da área com medo de perder?
Joel está ultrapassado como treinador.
E para não ser mais uma vez demitido, repassa a culpa pelo fracasso.
O primeiro a ser lembrado por ele foi Vanderlei Luxemburgo.
Disse que os problemas no clube já vem de trás, do passado.
Quem é o dono do passado? Luxemburgo.
Na luta pela sobrevivência ainda disse que há muito o que mudar no time.
E vai conversar com os jogadores experientes para resolver.
Ou seja: para bom entendedor, meia palavra basta.
Joel quer repassar a responsabilidade pela derrota no Equador aos jovens que entraram no time.
A sua postura como comandante é lastimável.
 (Blog do Cosme Rímoli)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!