quarta-feira, 25 de abril de 2012

COM BAENÃO vetado pela PM, Remo busca título no Mangueirão

A DECISÃO do segundo turno do Campeonato Paraense não será no estádio Baenão, de propriedade do Clube do Remo. Em reunião nesta terça-feira, 24 de Abril, no comando da Polícia Militar do Estado do Pará, estiveram reunidos o Ministério Público, o comando da PM e representando o Clube do Remo o presidente Sérgio Cabeça.
O Fenômeno Azul deverá invadir o Olímpico Edgar Proença
As autoridades esperavam por um plano se segurança do clube que não apresentou e com isso foi dito ao presidente, que seria de sua responsabilidade, caso acontecesse algum problema no dia da decisão entre Remo e Águia.

A PM analisou que na última partida do Remo contra a equipe do São Raimundo no Baenão, torcedores tiveram dificuldade para entrar no estádio, catracas foram derrubadas e portões arrombados e poderia ser muito pior em um dia de decisão.

Ao sair da reunião, o presidente do Remo Sérgio Cabeça anunciou para a imprensa que o jogo será no Mangueirão domingo dia 29 às 16:00 e com ingressos ao preço de 10 reais uma arquibancada e pediu para o torcedor comprar todos os 40 mil ingressos que nesta quinta-feira, serão colocados à venda.

Sobre a decisão de domingo, o Remo tomou mais um duro golpe. Além do goleiro Adriano expulso, o volante André e o atacante Cassiano suspensos, na recontagem dos cartões do elenco, foi anunciado pela diretoria do Remo que o meia Magnum também tomou o terceiro cartão amarelo. Com isso, o treinador Flávio Lopes terá que mexer em quatro posições na equipe titular.

O Remo pode perder até por um gol já que jogando por dois resultados iguais, venceu o primeiro jogo fora de casa por 1 a 0.

Está sendo esperada uma grande festa no Mangueirão no domingo! (Abner Luiz, Futebol Interior)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!