domingo, 1 de janeiro de 2012

VITOR Birner: futebol brasileiro precisa evoluir


ANDO meio cético no que diz respeito ao momento do futebol brasileiro. 
Acredito que a natureza continuará abençoando nossa paixão com jogadores talentosos. 
Quando eles aparecem e conseguem resultados, muita gente se convence de que as coisas devem continuar como estão. 
Esse conservadorismo prepotente é nocivo, perigoso, para o país onde a qualidade técnica do atleta sempre foi o diferencial. 
Na parte tática, sempre  corremos atrás dos outros. 
E na administrativa de clubes e federações, damos aula de ruindade.
Reproduzo aqui a minha coluna de sábado, no Lance, na qual fiz um balanço (dentro do espaço possível) do último ano.
Aproveito para desejar a você um excelente 2012, cheio de saúde, alegria, amor, realizações e mais benção divinas na sua vida pessoal!!!!!


Precisamos evoluir 

A virada de ano passa a impressão de que as coisas serão melhores de amanhã em diante. Depois chega o primeiro dia de janeiro, o segundo, o terceiro e, de maneira genérica, a realidade continua quase igual ao longo das 362 manhãs, tardes, noites e madrugadas, até de novo renovarmos, sem motivo justo, as esperanças de um futuro mais feliz.
A realidade depende de nós, não de datas. Sem pensamentos e ações diferentes, pouca coisa vai mudar.
O futebol brasileiro precisa urgentemente da renovação de ideias e atitudes. Nosso 2011 foi ruim.
A seleção terminou a temporada sem grandes perspectivas de jogar em alto nível brevemente. Os realistas sabem que levaria um baile do Barcelona e não discutem a superioridade de Espanha e Alemanha.
Nossos clubes não revelaram grandes jogadores. Ao contrário. Em 2010, Neymar e Ganso brilharam. Hoje, apenas o atacante continua em alta.
Santos, Corinthians e Vasco, principais campeões da temporada, possuem boas equipes, mereceram os títulos e devem ser aplaudidos pelos feitos, mas não deixarão saudades. A participação do Peixe no Mundial explica nosso momento técnico e tático.
A preparação para a Copa do Mundo de 2014, aquela que os otimistas irresponsáveis defendiam ser “um exercício de cidadania, o desafio do país no trato do dinheiro público”, aproximou do esporte os políticos interessados na gastança da grana dos impostos.
Eles continuaram tratando-nos como idiotas.
Basta ver a Lei Geral da Copa, com votação prevista para fevereiro. Ela determina que o povo pague a conta se houver quaisquer danos à Fifa.
A entidade, superboazinha com seus integrantes mencionados em casos de corrupção, está obrigando o Brasil a assumir os riscos que deveriam ser dela, a organizada da competição e beneficiária do lucro provavelmente bilionário.
A Fifa já havia exigido a construção de estádios luxuosos e interferido em nossa soberania ao cobrar e ganhar exceções legais.
Como posso crer em um bom ano novo futebolístico se os personagens do poder são iguais?.
De coração, torço para Deus abençoar você, seus amigos e família com muita saúde e sorte em 2012!!!
Feliz ano novo na sua vida pessoal!!!!!!!


Receita de Ano Novo – Carlos Drummond Andrade
Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)
Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre. (blog do Birner)

Viver é a coisa mais rara do mundo; a maioria das pessoas apenas existe. Oscar Wilde
Feliz 2012. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!