terça-feira, 10 de janeiro de 2012

REMO, o celeiro de "craques" sem futuro

Alan Silva (Blog do Gerson Nogueira) 

SOBRE a derrota do Remo para o Vasco na Copa SP, algumas considerações. Não existe toque de bola, sempre é ligação direta, apostando na velocidade de Jaime e Reis, bons valores. Além destes, só se salvaram o Alex Juan, o Walace e o Naldo, o que convenhamos neste momento sombrio do futebol paraense já está de bom tamanho. Contudo, a formação dos garotos está muito equivocada. O goleiro já pensa no chutão e quando alguém do meio para frente pega na bola, primeiro arranca e depois pensa em tocar para um companheiro melhor posicionado. Se não corrigir isto na base nunca conseguiremos aproveitar esses garotos no profissional”.
...................................................................................
O que disse Alan  é o mais fiel retrato do time contra o Vasco. Parecia mais um grupo de jogadores reunidos às pressas para um peladão de final de semana. Erros primários também nos fundamentos de futebol (passe, chute, lançamentos, cabeceio). Hora de questionarmos toda formação de atletas remista ou continuaremos a ser o celeiro de "craques" sem futuro.  Não dá mais pra fazer de contas que temos uma base, quando não temos.

O. Frade
(blog Dj Leão)





Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!