segunda-feira, 7 de novembro de 2011

O QUE fizeram Messi, Neymar e Cristiano Ronaldo em 2011


TRÊS dos principais candidatos ao prêmio Bola de Ouro da Fifa de 2011, Messi, Neymar e Cristiano Ronaldo tiveram, até agora, um ano sensacional. Tanto em relação a gols, conquistas e atuações. Mas principalmente em seus respectivos clubes. Curiosamente, pelas seleções, o trio brilhou pouco em 2011.

Presentes na lista dos 23 candidatos ao prêmio da Fifa e da revista France Football, os três maiores craques da atualidade deverão figurar entre os três finalistas. A cerimônia de entrega será daqui um mês, no dia 5 de dezembro, antes do Mundial de Clubes, que começará no dia 8 de dezembro.

Neymar, único jogador que não atua na Europa entre os 23 candidatos, conquistou dois títulos em 2011: a Copa Libertadores e o Campeonato Paulista. No ano, o craque santista fez 28 gols em 55 partidas (sem contar o Sub-20). Pela Seleção Brasileira, conquistou o torneio Superclássico das Américas (entre Brasil e Argentina), mas fracassou junto com o time de Mano Menezes na Copa América. Aos 19 anos, Neymar está com 169 jogos como profissional e 86 gols marcados (andam contabilizando mais 10 gols dele pelas seleções Sub-17 e Sub-20).

Já o argentino Messi, atual bicampeão do prêmio de melhor jogador do ano da Fifa, pelo o que fez em 2011, talvez seja o favorito a conquistar o troféu mais uma vez. Pelo Barcelona, Messi fez 51 gols em 60 jogos. Em 2011, foi campeão e artilheiro da Liga dos Campeões da Europa, levantou ainda o Campeonato Espanhol, a Supercopa Espanhola e a Supercopa Europeia. Pela Seleção Argentina, também acabou tendo um desempenho ruim no ano, sendo eliminado nas quartas-de-final da Copa América. Recentemente, Messi superou a casa dos 200 gols pelo Barcelona. Com os três gols no meio de semana, pela Liga dos Campeões, chegou a 202 pelo clube catalão.

Cristiano Ronaldo, com a seleção, foi o que menos jogou entre os três, disputando apenas cinco partidas no ano, pelas Eliminatórias da Eurocopa, onde conseguiu apenas levar o time português à repescagem. Pelo Real Madrid, no entanto, Ronaldo fez bonito. Foi o artilheiro do Campeonato Espanhol com o recorde de 40 gols e conquistou a Copa do Rey da Espanha. Dos três, é o que tem a melhor média de gols, com quase um por partida (47 gols em 48 jogos). Eleito o melhor jogador do mundo em 2008, Cristiano Ronaldo chegou a marca dos 100 gols pelo Real Madrid no meio de semana, quando marcou dois gols na vitória sobre o Lyon.
Veja o resumo dos três craques em 2011, entre janeiro e o início de novembro:

MESSI

Campeonato Espanhol 2010/11 – 19 jogos, 14 gols (campeão)

Campeonato Espanhol 2011/12 – 10 jogos, 13 gols (vice-líder)

Copa do Rey da Espanha – 6 jogos, 6 gols (vice-campeão)

Supercopa Espanhola – 2 jogos, 3 gols (campeão)

Liga dos Campeões 2010/11 – 7 jogos, 6 gols (campeão)

Liga dos Campeões 2011/12 – 4 jogos, 5 gols (líder do seu grupo na 1ª fase)

Supercopa Europeia – 1 jogo, 1 gol (campeão)

Seleção Argentina – 11 jogos, 3 gols (5ª da Copa América)


Total – 60 jogos, 51 gols


CRISTIANO RONALDO

Campeonato Espanhol 2010/11 - 18 jogos, 23 gols (vice-campeão)

Campeonato Espanhol 2011/12 - 10 jogos, 10 gols (líder)

Copa do Rey da Espanha - 5 jogos, 3 gols (campeão)

Supercopa Espanhola - 2 jogos, 1 gol (vice-campeão)
Liga dos Campeões 2010/11 - 4 jogos, 2 gols (3º colocado)
Liga dos Campeões 2011/12 - 4 jogos, 4 gols (líder do seu grupo na 1ª fase)
Seleção Portuguesa – 5 jogos, 4 gols (Classificado para a Repescagem da Euro)

Total - 48 jogos, 47 gols

NEYMAR

Campeonato Paulista - 11 jogos, 4 gols (campeão)

Copa Libertadores - 13 jogos, 6 gols (campeão)

Campeonato Brasileiro - 18 jogos, 11 gols (10º colocado)

Seleção Brasileira - 13 jogos, 7 gols (8º na Copa América e campeão do Superclássico das Américas)

Total - 55 jogos, 28 gols


(Futebol em Números, Rodolfo Rodrigues)


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!