segunda-feira, 21 de novembro de 2011

JUCA Kfouri: rodada de vida e de morte

A ANTEPENÚLTIMA rodada do Brasileirão foi de matar.

Matou, por exemplo, o Avaí e o América, definitivamente rebaixados.
Matou, também, as chances de Botafogo e Flamengo com relação ao título.
Sobraram apenas o Corinthians, o Vasco e o Fluminense.

Sim, porque a rodada também foi de viver.
O Corinthians não só continuou vivo na liderança, dois pontos à frente do Vasco e cinco à frente do Fluminense, como ressuscitou, aos 43 minutos do segundo tempo, o Imperador Adriano, o autor do fantástico gol que deu a vitória corintiana, de virada, contra o Galo, num Pacaembu lotado e enlouquecido.
A rodada pôs o Inter na zona da Libertadores e tirou tanto o Flamengo quanto o Botafogo.
E teve 25 gols, além de média de público de mais de 19 mil pagantes por jogo, melhor presença no Serra Dourada, com quase 38 mil torcedores para verem o Flamengo decepcionar mais uma vez.

O menor público foi o do Olímpico, com apenas quase 6 mil pagantes.
A próxima rodada pode definir o campeão, caso o Corinthians ganhe do Figueirense, esfacelado, mas em Floripa, e o Vasco não ganhe do Fluminense.
Mas o Vasco também pode acabar a penúltima rodada na liderança, desde que vença o Fluminense e o Corinthians perca para o Figueira.
Em bom português: ainda tudo pode acontecer, até o Flu ser campeão outra vez, desde que o ganhe seus dois próximos jogos e o Corinthians faça apenas um ponto nos dois jogos que lhe restam.

Sim, tudo pode acontecer neste campeonato que tem visto de tudo acontecer, até o Imperador renascer. (blog do Juca Kfouri)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!