quarta-feira, 16 de novembro de 2011

DUELO em Belém pelo acesso à Série B 2012

O CRB já garantiu vaga à Série B do Campeonato Brasileiro de 2012 e assim resta apenas uma vaga no Grupo E no Quadrangular final no Brasileiro da Série C 2012. Terceiro e quarto colocado, Paysandu e Luverdense, respectivamente, se enfrentam nesta quarta-feira, pela quinta rodada, às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio do Mangueirão, no Pará, e dependendo do resultado do América-RN, podem esquentar ainda mais a briga pela classificação.
Jogando pelo primeiro turno da fase final, os times se enfrentaram no último dia 6 de novembro e, jogando no Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, Matogrosso, empataram por 1 a 1. O time da casa começou bem e aos 28 minutos abriu o placar com Cleber Carioca. Porém, ainda no primeiro tempo, Fabio Gaucho deixou tudo igual. Na etapa final os times fizeram um jogo truncado e o empate acabou sendo justo pelo o que o confronto mostrou. 

O último jogo do Papão no Campeonato Brasileiro foi justamente contra o Luverdense. Após o empate, o time do Pará chegou aos quatro pontos e aparece na terceira posição do Grupo E. Já o time mato-grossense, que no último domingo perdeu em casa, para o América-RN, por 2 a 0, estacionou nos dois pontos e é o último. 

Só a vitória interessa
Precisando vencer para não se complicar na briga pelo acesso no Quadrangular final do Campeonato Brasileiro da Série C, o técnico Andrade deverá fazer duas alterações na equipe do Papão que entrará em campo nesta quarta-feira, diante do Luverdense. Apesar de não confirmar, o comandante durante toda a semana treinou com estas modificações e assim deverá prosseguir para o confronto. 

Assim, Juliano ganha chance no setor de meio-campo e Vagner retorna ao setor defensivo. Quem comentou as alterações e fez questão de enfatizar o bom entrosamento do time foi o goleiro Alexandre Fávaro. Para ele, o Papão terá que fazer o dever de casa na próxima quarta-feira. 

“As mexidas não foram muitas. É praticamente a mesma equipe, então quanto ao entrosamento não teremos problema. Não é hora de inventar. Temos que ganhar, não importa o resultado. Faltam dois jogos e o importante é fazermos o nosso papel”, disse o arqueiro.
Andrade disse que a base já é conhecida, mas qualquer coisa que falar pode ajudar os concorrentes em campo. “Prefiro não adiantar o time nesse momento. A base todos já conhece, mas não quero dar mais subsídios ao adversário. O que todos sabem é que meu time joga simples, sem invenções”, comentou. 

Adversário desgastado 

Como se não bastasse o “jejum” de vitórias no Quadrangular final do Campeonato Brasileiro da Série C, agora o Luverdense se preocupa com o desgaste físico dos seus jogadores para entrar em campo nesta quarta-feira, no Estádio do Mangueirão, em Belém, no Pará. 

O numero de lesões e de jogadores reclamando de desgaste físico se dá por conta do clube ter disputado até a semana passada duas competições ao mesmo tempo – Copa MT, onde acabou sendo campeão; e o Campeonato Brasileiro da Série C. O técnico Lisca, em contato com  o 
Portal Futebol Interior, lamentou as baixas no elenco e afirmou que assim o time ainda está indefinido para o jogo, precisando ainda durante o dia de uma conversa com o departamento médico. 

“O elenco está muito desgastado e temos que tomar cuidado para não agravar ainda mais a situação dos jogadores. Ainda temos um treino nesta terça e só depois vou poder adiantar como será o time”, disse o treinador, ainda preocupado com que terá de bom em suas mãos para o jogo. 

Em relação ao time que entrou em campo no último domingo, contra o América-RN, Lisca não terá a disposição o meia Régis, expulso na partida. Em seu lugar, provavelmente Thiago Corrêa ganha vaga entre os titulares. (Futebol Interior)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!