domingo, 2 de outubro de 2011

TUDO igual entre Vasco e Corinthians

O CORINTHIANS não conseguiu vencer o Vasco e retomar a ponta do Campeonato Brasileiro, após a 27ª rodada. O corintiano que assistiu ao jogo deste domingo, em São Januário, porém, volta a ficar um pouco mais otimista. Em sua melhor a apresentação, desde que entrou na má fase, o Timão empatou com o líder, por 2 a 2, e convenceu. 

Ao contrário das últimas partidas, onde pouco produziu e, quando venceu, o fez sem brilho, o time de Tite dominou o segundo tempo e só não saiu de campo com resultado melhor por falta de pontaria do meia Danilo e do atacante Willian. Este último perdeu, no mínimo, três chances claras de virar o jogo no final. 

Apesar do tropeço em casa, o Vasco continua tranquilo na liderança, já que acabou beneficiado pela vitória do arquirrival Flamengo sobre o São Paulo, por 2 a 1. O empate mantém o clube cruz-maltino na ponta, com 50 pontos. Seguido pelo Corinthians, que aparece com 48 pontos. O Tricolor paulista é o terceiro, com 46. 

Tudo igual
O Vasco começou a partida mostrando quem manda em São Januário. Com um futebol ofensivo, o time acuou o Corinthians nos primeiros minutos. Tanto que aos três e aos sete minutos, chegou com perigo com o meia Juninho Pernambucano e o atacante Elton. No primeiro, a bola saiu por cima do gol, enquanto o segundo cabeceou nas mãos do goleiro Júlio César. 

A primeira chegada do Timão aconteceu somente aos dez minutos, quando o zagueiro Leandro Castán carimbou a trave. Contudo, o lance já estava paralisado por impedimento. O Gigante da Colina deu o troco na mesma moeda, mas desta vez não teve intervenção de trave e nem árbitro. Após escanteio da direita, aos 15, o zagueiro Dedé subiu mais alto que todos e cabeceou no ângulo direito. 

Após o gol, o time paulista cresceu em campo e passou a frequentar mais o campo de ataque. E o gol de empate não demorou muito a sair. Aos 20 minutos, o volante Ralf descolou um belo lançamento para o meia Danilo. O jogador disparou livre na direita e cruzou rasteiro. Sem marcação, o meia Alex apenas completou para as redes. 

Timão melhora, mas...
O empate mudou o panorama do jogo. O time cruz-maltino, que até então dominava, passou a ver o adversário chegar com mais perigo. Aos 38 minutos, por exemplo, Alex cobrou escanteio da esquerda e, após desvio na primeira trave, Paulinho apareceu em velocidade na segunda, mas cabeceou tirando tinta do poste esquerdo do goleiro Fernando Prass. 

Aos 46, porém, o Vasco fez o Timão aproveitar do próprio veneno e encaixou um contragolpe mortal. O atacante Éder Luís recebeu no meio-campo e deu uma linda assitência para o lateral-direito Fagner, que disparava em alta velocidade. O jogador invadiu a área e tocou por cima de Júlio César. 

Poderia ser melhor, Timão!
Ao contrário do primeiro tempo, que teve um ritmo alucinante, o segundo foi bem mais cadenciado. Para desespero da torcida vascaína, que fazia uma bonita festa em São Januário, Juninho Pernambucano sentiu uma contusão, aos sete minutos, e pediu para ser substituído. Em seu lugar entrou Allan. 

Mesmo com a perda do ídolo, o Gigante teve duas boas chances. Aos 13 minutos, o meia Diego Souza passou como quis por Alessandro e chutou cruzado para grande defesa de Júlio César. Aos 15, quase aconteceu um repeteco do primeiro gol. Após falta na área, Dedé cebecou com perigo para fora. 

Aos poucos, entretanto, o Timão começou a encaixar seu jogo, explorando principalmente o meia Danilo e o atacante Willian. Até que aos 21, o time do Parque São Jorge chegou ao empate. Willian alçou bola do lado direito e Danilo cabeceou no canto esquerdo de Fernando Prass. 

Os cariocas sentiram bastante o gol de empate e viram o Timão crescer. O time visitante teve, pelo menos, três grandes oportunidade de virar. A principal delas aconteceu, aos 33 minutos, com Willian. O atacante escapou nas costas da zaga, invadiu a área, mas tirou muito do goleiro e mandou por cima do gol. 

Próximos Jogos
No próximo domingo, às 16 horas, o Vasco terá um páreo duro contra o Internacional, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. Enquanto isso, o Corinthians joga contra o Atlético-GO, no mesmo dia, às 18 horas, no Pacaembu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!