domingo, 16 de outubro de 2011

CORINTHIANS segue na frente, mas Vasco, Botafogo, Fluminense... todos na cola

Juca Kfouri


CRUZEIRO e Corinthians fizeram dos jogos mais disputados palmo a palmo do Brasileirão-2011.
E o resultado final, com a vitória por 1 a 0 do líder do campeonato em gol de Paulinho, aos 20 do segundo tempo na Arena do Jacaré (17.004 pagantes), com direito a um pênalti, inventado pelo arbitragem,  chutado nas nuvens pelo brilhante Montillo indica duas coisas:
1. que  o Corinthians pode estar com a chamada sorte de campeão e;
2. mais do que isso,  o Cruzeiro parece mesmo marcad0 para cair.
De resto foi um jogo com chances para os dois lados, embora Fábio tenha trabalhado mais que Júlio César e em bolas mais agudas, exceção feita a derradeira defesa do corintiano, milagrosa mesmo, aos 43, em cabeçada de Anselmo Ramon, à queima-roupa.
Mas o Corinthians não deu mole e recuperou os três pontos que havia perdido para o Cruzeiro no primeiro turno, no Pacaembu, pelo mesmo placar. E pela 21a. vez, em 30 rodadas, o Corinthians lidera. 


Enquanto isso, no Engenhão (23.372 pagantes), com um gol em cada tempo, de Antonio Carlos e Loco Abreu, de pênalti, deram a previsível vitória do Botafogo sobre o ameaçadíssimo e frágil Furacão: 2 a 0. O Glorioso pode assumir a liderança isolada contra o Santos, na quarta-feira.

E com mais dois gols de Fred, o Fluminense seguiu sua nova marcha guerreira e ganhou do Palmeiras, por 2 a 1, gol verde de Valdívia, de pênalti inexistente no Canindé, com apenas 3.649 pagantes. Os cariocas ganharam a 15a. partida contra paulistas, com apenas sete derrotas e cinco  empates. 


No Beira-Rio (17.832 pagantes), o Avaí assustou o Inter ao sair na frente e empatar 2 a 2, mas acabou prevalecendo o que havia mesmo de prevalecer, o Colorado, e por 4 a 2, com dois gols de D’Alessandro, Nei e Kléber para os gaúchos e Robinho e William para os catarinenses. 


E, na Vila Belmiro (3.477 pagantes), o Grêmio derrotou o Santos por 1 a 0, gol de Escudero, pegando rebote de pênalti cobrado por Douglas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDA ver um comentário aí!